sexta, 24 de novembro de 2017
10/07/2017 11:56

Sucesso define a 4ª edição do Mega Salão do Imóvel, promovido pelo Sinduscon de Itajaí

Superada a meta de negócios do ano passado, que foi de R$ 50 milhões

Quatro dias de visitação e um público seleto definem a 4ª edição do Mega Salão do Imóvel Itajaí. O evento, que encerrou neste domingo, 9, no Centreventos, trouxe muitas oportunidades de negócios para os 80 expositores, que saem do evento com uma expectativa otimista nos setores da construção, imobiliário, móveis e decorações.

“Podemos considerar a edição deste ano um sucesso. Superamos a meta de negócios do ano passado, que foi de R$ 50 milhões. Foram efetuadas muitas vendas e os expositores estão satisfeitos com os resultados”, comentou Charles Kan, presidente do Sinduscon.

Rosangela Andrade, da Andrade Eventos, organizadora do Mega Salão do Imóvel avalia que o sucesso do evento se deve ao trabalho desenvolvido há mais de um ano para que tudo acontecesse da melhor forma possível. “Quero agradecer ao Sinduscon e aos expositores, que não mediram esforços e fizeram o melhor para apresentar os seus produtos aos visitantes do 4º Mega Salão.”

Bruno Pereira, sócio-proprietário da Clarus Construtora e Incorporadora, diz que o 4º Mega Salão foi bastante proveitoso. “Fizemos um lançamento exclusivo para o evento e já tivemos 10 reservas para o empreendimento lançado. Estou considerando esta edição do Mega Salão bem direcionada, com o visitante focado e interessado na compra de imóveis.”

O diretor comercial da Euro System, José Miguel Martinez, comenta que estão bem felizes. “Fizemos muitos contatos com construtoras e incorporadoras. Esse contato é muito importante, pois fortalecemos as parcerias.”

Alexandre Balbino, proprietário da Prime Construtora comenta que estão surpresos com a edição do Mega Salão deste ano. “A qualidade dos visitantes melhorou muito em relação ao ano passado, eles vêm conhecer e comprar e estamos bem felizes com os resultados obtidos.”

O proprietário da D6 Empreendimentos, Halisson Ricardo de Souza, diz que o Mega Salão de 2017 contou com um público mais focado. “Minha avaliação do evento foi positiva. Viemos com uma equipe especializada em vendas e conseguimos encaminhar bons negócios, com fechamento para o decorrer da próxima semana.”

Jakson Devens, representante da Passe Construtora, avalia o 4º Mega Salão como bom. “Fechamos mais de 30 negócios em quatro dias de evento. O público surpreendeu, pois veio com a intenção de comprar imóveis e também ganhamos com o lado institucional, nos tornamos conhecidos e lembrados em eventos como este.”

Da CK Construtora, o proprietário Charles Kan, comentou que o resultado deste ano foi bem melhor. “Menos é mais. Tivemos menos visitantes, mas, as pessoas que visitaram o 4º Mega Salão vieram em busca de negócios. Quero parabenizar a organização e os expositores pelo evento de 2017.”

Mercado

O sucesso do 4º Mega Salão do Imóvel reflete o bom desempenho do setor, que segundo Charles Kan, está muito otimista com as perspectivas para 2018, apostando em crescimento de dois dígitos ou muito próximo a isso, apesar da retração econômica do País. "O que percebemos é que, diferentemente dos grandes centros, onde a indústria recuou e até parou, em Santa Catarina o mercado continua ativo, mantendo o nível de empregos e de negócios". Contribuiu para este bom desempenho, de acordo ele, a visão estratégica dos empresários, que, diante do cenário de instabilidade econômica foram ágeis em reavaliar seus planos de lançamentos, ancorando seus projetos em pesquisas, sendo, assim, mais assertivos junto ao público desejado e mais ágeis na comercialização.

Particularmente em Itajaí, o desempenho econômico da cidade e a sua extensão geográfica são alguns dos fatores que mais contribuem para o bom desempenho da construção civil. "Percebemos um crescimento no número de projetos em vários bairros e também na região litorânea, o que proporciona uma dinâmica de mercado altamente diversificada, com empreendimentos desde faixas populares até o alto padrão. Isso se deve muito ao fato de Itajaí ser hoje a segunda maior potência econômica do Estado", finaliza Kan.




Últimas Notícias

Notícias

© Copyright 2000-2014 Editora Bittencourt