quarta, 26 de fevereiro de 2020
25/09/2019 14:20

Câmara cria comissão especial para acompanhar a administração do Porto de Imbituba temendo evasão de divisas

Temendo revezes ainda maiores e que podem afetar a economia local e beneficiar cidades vizinhas da região em detrimento aos interesses municipais, os vereadores propositores da Mesa Diretora justificaram o encaminhamento e formação do grupo que irá acompanhar e analisar a partir de agora as ações do Coronel reformado da PM e sua diretoria

Preocupados com os efeitos de gestão da nova diretoria da SCPar Porto de Imbituba, estatal que administra o Porto da cidade, e dos recentes acontecimentos com relação às suas decisões que tem relação com o município, a Mesa Diretora da Câmara de Vereadores encaminhou à votação o Projeto de Resolução nº 11/2019, criando a Comissão Especial de Transparência Portuária.

O PR foi encaminhado para a Ordem do Dia após a aprovação do Requerimento nº 24/2019 subscrito pelos vereadores Elísio Sgrott (PP), Luiz Antônio Dutra (PSDB), Fernando Ancelmo (PSDB), Michela Freitas (PSDB) e Eduardo Faustina (PT).

O Projeto de Resolução foi aprovado pelos 13 vereadores da Casa durante a Sessão Plenária realizada nesta segunda-feira, dia 23.

Um dossiê que circulou pelas redes sociais no último mês - colocando em dúvida a eficiência e lisura da atual administração e enaltecendo ainda a forma austera com que o presidente Jamazi Ziegler tem conduzido o Porto de Imbituba durante os oito meses de sua gestão - e a perda de contratos de importantes empresas que há anos trabalham com o Porto e que contribuem significativamente com a economia de Imbituba foram dois dos motivos que levaram à criação da Comissão.

Temendo revezes ainda maiores e que podem afetar a economia local e beneficiar cidades vizinhas da região em detrimento aos interesses municipais, os vereadores propositores da Mesa Diretora justificaram o encaminhamento e formação do grupo que irá acompanhar e analisar a partir de agora as ações do Coronel reformado da PM e sua diretoria.

Alguns vereadores destacaram em seus pronunciamentos a recente visita do governador do Estado, Carlos Moisés, que chegou de helicóptero na área portuária sem qualquer aviso, tratou de assuntos relacionados ao Porto e saiu da cidade sem receber ou convidar qualquer autoridade local.

Um dos propositores chegou a expressar em seu pronunciamento seu desejo de que o Porto de Imbituba, segundo ele, patrimônio dos imbitubenses, seja municipalizado para evitar que administrações posteriores possam prejudicar o município.

Muitos parlamentares após a votação manifestaram o desejo de comporem a Comissão Especial.

Ao final da Sessão, o presidente da Casa, Robertinho Rodrigues, comunicou que o diretor-presidente, Jamazi Ziegler, deve comparecer ao Legislativo para uma visita e de que este momento pode ser de suma importância para esclarecimentos com relação à sua gestão.




Últimas Notícias

Notícias

© Copyright 2000-2014 Editora Bittencourt