terça, 31 de março de 2020
17/01/2020 08:19

AIE diz que Arábia Saudita ajudou a reduzir reservas e mantém projeções

Opep eleva previsão de demanda em 2020 com melhora no quadro econômico

A redução da oferta de petróleo da Arábia Saudita foi uma importante impulsionadora da queda das reservas globais em dezembro, apesar de os esforços do país terem sido contrariados pelo aumento de outros integrantes da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep), apontou nesta quinta-feira a Agência Internacional de Energia (AIE).

No relatório sobre o mercado petrolífero, a AIE disse que a queda de 200 mil barris por dia da oferta da Arábia Saudita, para 9,68 milhões de barris por dia, juntamente com uma diminuição sazonal na produção de biocombustível, impulsionou uma redução de 780 mil barris por dia das reservas globais.

Opep eleva previsão de demanda em 2020 com melhora no quadro econômico
Ainda no relatório, a AIE manteve as previsões de crescimento da demanda global de petróleo para 2019 e 2020 em 1,0 e 1,2 milhões de barris por dia, respectivamente. A agência também manteve as projeções de crescimento de oferta externa à Opep para 2020 em 2,1 milhões de barris por dia.
A AIE aumentou ligeiramente a estimativa do crescimento de oferta externa à Opep em 2019 em cerca de 100 mil barris por dia, para 2 milhões de barris por dia. Com informações do Valor




Últimas Notícias

Notícias

© Copyright 2000-2014 Editora Bittencourt