sexta, 12 de abril de 2024
14/12/2022 16:52

Entrada do 13º estimula pagamento de dívidas e consumo em SC


O pagamento do 13º salário deve dinamizar a economia em Santa Catarina no mês de dezembro. Conforme pesquisa da Fecomércio SC realizada em sete cidades de SC, a prioridade este ano será economizar (30,3%) e renegociar as dívidas (28,1%) – resultado menor do que o ano anterior e em linha com a Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (PEIC), que indica níveis menores de endividamento no estado em relação ao país. Em terceiro lugar está a compra de presentes de Natal (13,8%).

>>>Confira os dados completos 

Cerca de 170 mil servidores do Estado devem receber a 2ª parcela do 13° salário até a próxima sexta-feira (16). A primeira parte, paga em julho, representou uma injeção de mais de 500 milhões na economia catarinense. Nas empresas privadas, deve ser pago até 20 de dezembro.

A expectativa dos empresários para o mês de dezembro é positiva. “A circulação de qualquer recurso extra- como 13º, IR e FGTS- é um motor para as vendas, além de ser um alívio para o orçamento das famílias. Com o pagamento das contas atrasadas, o catarinense também está apto a consumir novamente ou voltar a poupar”, aponta o presidente da Fecomércio SC, Hélio Dagnoni. No mês de outubro, cerca de 60,8% dos catarinenses estavam comprometidos com alguma dívida e 16% estavam inadimplentes.

Segundo Dagnoni, o Natal de 2022 promete ser um dos melhores dos últimos  anos- a pesquisa de intenção de compras para a data, também realizada pela entidade, aponta que os catarinenses pretendem desembolsar R$ 528,28, alta nominal de 21,6% frente a 2021. Descontada a inflação, o aumento real  é de 14,2%.




Últimas Notícias

Notícias

© Copyright 2000-2014 Editora Bittencourt