10/05/2010

Novo estaleiro no Rio deverá gerar 5 mil empregos



Governador Sergio Cabral anuncia abertura do Inhaúma (antigo Ishibras), durante seminário sobre o setor naval offshore, promovido pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico na Firjan O Rio de Janeiro vai ganhar mais um grande investimento na área naval e offshore: o Estaleiro Inhaúma, que ocupará as antigas instalações do Ishibras, arrendado pela Petrobras na Zona Portuária. A retomada das operações do estaleiro, para construção e reparos de embarcações, deverá gerar cerca de 5 mil empregos diretos. O anúncio foi feito nesta segunda-feira (10/05), pelo governador Sergio Cabral e pelo secretário Júlio Bueno, na abertura do seminário “Balanço do Setor Naval e Offshore”, promovido pela Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Energia, Indústria e Serviços, no auditório da Firjan. Antes do evento, Cabral e Bueno estiveram reunidos com o presidente da Petrobras, José Sérgio Gabrielli, para discutir “detalhes tributários” envolvendo a instalação do novo empreendimento. “Em três ou quatro semanas vamos resolver a questão dos créditos de ICMS para atender à demanda da Petrobras. Ainda esta semana, será definida a questão do ISS (Imposto sobre Serviços) junto à Prefeitura do Rio”, disse o governador, referindo-se ao pleito da Petrobras para redução de 5% para 2% deste tributo municipal. Em seu discurso, Bueno destacou que o Estaleiro Inhaúma representa mais um importante passo para a consolidação do setor naval e offshore no Rio de Janeiro. Em junho, anunciou o secretário, também será lançada a pedra fundamental do Estaleiro da Marinha, em Itaguaí, na Região Metropolitana do Rio, onde serão fabricados submarinos nucleares, em parceria com o governo francês, um investimento de R$ 4,3 bilhões. “A previsão é que sejam criados de 2 mil a 4 mil empregos neste novo estaleiro”, destacou o secretário. Hoje, o Rio concentra 15 dos 25 principais estaleiros em operação no país, associados ao Sindicato Nacional da Indústria Naval (Sinaval). Juntos, estes empreendimentos geram 25 mil empregos diretos, incluindo a indústria fabricação de embarcações de lazer, que empregam outros 5 mil trabalhadores. A expectativa é que o setor amplie ainda mais sua atuação no estado a partir dos investimentos previstos na exploração e produção do pré-sal. O seminário reúne cerca de 300 pessoas, entre empresários, executivos e trabalhadores das empresas da cadeia naval e offshore, além de representantes do governo estadual, de prefeituras e entidades do setor. A mesa de abertura reuniu, além do governador e do secretário, o presidente do Conselho Empresarial de Política Econômica e Industrial da Firjan, Carlos Mariani; o diretor do Sinaval, Sergio Leal; o diretor do Fórum dos Trabalhadores da Construção Naval e Offshore, Joacir Pedro, e os deputados federais Edmilson Valentim (PCdoB) e Luís Sergio (PT) e o deputado estadual Rodrigo Neves (PT). O evento coloca em pauta investimentos superiores a R$ 3,7 bilhões em três anos na indústria naval offshore fluminense, novas oportunidades de negócios e as ações do Governo do Estado para apoiar esses projetos, garantir a competitividade do setor e atrair novos empreendimentos. De acordo com o documento Decisão Rio 2010-2012, produzido pela Firjan, o setor receberá 18,1% dos R$ 20,3 bilhões previstos para a indústria de transformação do estado no período. De acordo com o secretário, outros investimentos estão sendo realizados em expansão e modernização, para que os estaleiros fluminenses possam absorver a demanda crescente por construção e reparo de embarcações. Há ainda boas perspectivas para a cadeia produtiva, como o fornecimento de máquinas e equipamentos para estaleiros e oportunidades para o setor de navipeças, já que o índice de conteúdo nacional dos navios é de 65%. Programação O seminário tem apoio do Sistema Firjan, da Companhia Docas, da Onip, do Sinaval, do Fórum dos Trabalhadores da Construção Naval e Offshore e do jornal O Dia. No primeiro painel, sobre o tema “Mercado de Oportunidades – Demanda e Política Fiscal”, foram apresentados os planos de aquisição da Petrobras, Transpetro, Marinha do Brasil, Log-In Logística Intermodal e BR Marinas, enquanto o governo estadual mostrou os benefícios tributários previstos para a cadeia naval e offshore. Às 14h, o painel “Desafios da indústria naval fluminense” reunirá representantes do Sinaval, da Onip, da Firjan e do Prominp para discutir temas como infraestrutura, capacidade e competitividade; indústria fornecedora e plano de capacitação de mão-de-obra. Na ocasião, será lançado o Fórum do Prominp (Programa de Mobilização da Indústria Nacional de Petróleo e Gás) no Estado do Rio de Janeiro. Coordenado pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico, o fórum reunirá representantes da Petrobras, Firjan, Sebrae, Onip e IBP e vai contribuir para o fortalecimento da indústria fluminense para atender às demandas de bens e serviços da cadeia produtiva de petróleo e gás, principalmente frente às oportunidades que serão geradas pela exploração e produção no pré-sal. A entidade atuará de forma ampla e integrada com os fórums já existentes na Bacia de Campos, em Macaé; no Leste Fluminense, que abrange o Comperj, e em Duque de Caxias, ligado à Reduc. O último painel, que começa às 15h50m, abordará alguns dos principais projetos previstos para o setor no Rio de Janeiro: o Complexo Industrial Offshore de Itaguaí e os complexos industriais portuários de Barra do Furado (São João da Barra) e de Jaconé (Maricá). Estão presentes dirigentes destes municípios, como os prefeitos Carlo Busatto Júnior (Itaguaí) e Washington Quá-Quá (Maricá) e os secretários municipais de Indústria Naval de Niterói, Milton Carlos, e de Desenvolvimento Econômico de Quissamã, Haroldo Carneiro.


Quarta, 23 de Abril de 2014


 APM Terminals quebra novo recorde de produtividade no Porto de Itajaí

Quinta, 17 de Abril de 2014


 Setor de móveis e madeira debate rotas para crescer em Santa Catarina

Quarta, 16 de Abril de 2014


 Estatuto Estadual da Microempresa é aprovado na Comissão de Constituição e Justiça

Terça, 15 de Abril de 2014


 Governador Colombo recebe embaixador do Cazaquistão
 Fiesc apresenta linha de crédito para inovação em Lages

Segunda, 14 de Abril de 2014


 Ascensão da classe média chinesa abre oportunidades para o Brasil
 Fundo SC investiu R$ 12 milhões em empresas de base tecnológica
 Itajaí organiza o 1º Feirão de Empregos

Sexta, 11 de Abril de 2014


 Movimentação de contêineres no Complexo Portuário de Itajaí cresce 10%
 Mercoláctea 2014 vai reunir cadeia produtiva do leite em Chapecó
 Começa hoje a 1ª Vindima de Vinhos Finos de Altitude de Santa Catarina
 Curso gratuito capacita 140 pedreiros e mestres de obra em Itajaí e Ibirama

Quarta, 9 de Abril de 2014


 Mercomóveis 2014 conta com a presença do BRDE
 Balcão de Empregos em Itajaí tem cerca de 300 vagas disponíveis
 Imetro/SC inicia hoje operação especial para fiscalizar produtos de Páscoa
 Leilão para dragagem em Santos termina sem vencedor

Terça, 8 de Abril de 2014


 BMW criará mais de mil empregos com nova fábrica em Santa Catarina
 Cursos gratuitos para o setor atacadista estão com inscrições abertas em Itajaí

Segunda, 7 de Abril de 2014


 Sancionada a Lei de alteração do Plano Diretor de Porto Belo
 Prazo do Banco Central para a entrega da Declaração Anual de Capitais termina hoje
 Ministro apresenta programa de arrendamentos portuários em Washington

Sexta, 4 de Abril de 2014


 Volvo Ocean Race: 1 ano para Itajaí voltar a sediar um dos maiores eventos do mundo
 Tubos Ipiranga tem forte atuação no setor naval
 Oportunidades para uso do drawback são debatidas no 3º Meeting Comex
 Agência Tatticas inova e inaugura galeria com obras 3D
 Expedida a Licença Ambiental Prévia para a nova bacia de evolução do Complexo Portuário de Itajaí

Quinta, 3 de Abril de 2014


 Faturamento da Portonave cresce 22%
 Ano será bom para agricultura, mas alimentos devem encarecer
 Pesquisa revela que empresárias solteiras são mais ambiciosas e casadas são mais persistentes

Quarta, 2 de Abril de 2014


 Caminhão tanque fabricado pela Arxo equipa Aeroporto de Congonhas em São Paulo

Terça, 1 de Abril de 2014


 Diretor da Antaq afirma que a Intermodal é o fórum ideal para discutir temas do setor
 Itajaí é apresentado na “Volvo Ocean Race 2014-15 Conference”

Notícias de 2014

   Abril
   Março
   Fevereiro
   Janeiro

Notícias de 2013

   Dezembro
   Novembro
   Outubro
   Setembro
   Agosto
   Julho
   Junho
   Maio
   Abril
   Março
   Fevereiro
   Janeiro