quarta, 10 de agosto de 2022
08/11/2021

Itajaí Shopping inaugura unidade do Instituto Geral de Perícia (IGP) para emissão da nova carteira de identidade


O mix de serviços do Itajaí Shopping acaba de ficar ainda mais robusto. Reconhecido por concentrar operações importantes como o posto de emissão de passaportes da Polícia Federal, agência de vistos de viagens, locadora de veículos, entre vários outros, o empreendimento passa a abrigar também a unidade do Instituto Geral de Perícia (IGP) de Itajaí para produção de cédulas de identidade.

 

O IGP do Itajaí Shopping inaugura nesta segunda-feira, 8 de novembro, já com a emissão do novo modelo de carteira de identidade (RG) nacional. Santa Catarina é o primeiro estado do Brasil a emitir o documento no novo modelo. A partir de agora, o número do registro geral (RG) é o mesmo do CPF. Quem já tiver o RG, o número continua valendo, mas quem for emitir a primeira via já não vai contar com um número separado do RG.

 

Segundo a perita regional do IGP de Itajaí, Júlia Rehn, a nova unidade do IGP no Itajaí Shopping foi pensada para melhor atender a demanda local e facilitar o acesso da população ao serviço. “Fica evidente a importância da parceria público-privada na hora de formatar a chegada de serviços importantes como o IGP”, completa o superintendente do Itajaí Shopping, Michael Domingues.

 

Com a unificação do RG com o número do CPF, especialistas acreditam que fica mais fácil evitar fraudes, uma vez que a tecnologia une a biometria, que é única, com um número de identificação nacional. Para emitir a nova carteira de identidade é preciso fazer o agendamento no site do IGP pelo site http://agendamento.igp.sc.gov.br/

 

Excelente momento

 

Além da unidade do IGP para emissão da carteira de identidade, o Itajaí Shopping acaba de confirmar duas novidades de peso para os próximos meses: a chegada da Sonho dos Pés e a nova World Games, tradicional espaço de jogos e diversão do empreendimento que virá completamente remodelada com a temática de fundo do mar.

 

Os investimentos refletem o ótimo momento do Itajaí Shopping em 2021. O fluxo de vendas dos últimos 6 meses registra um crescimento médio de 73% sobre 2020 e 14% sobre 2019 – ano que já tinha sido excelente para as marcas.

 

No ano que completa 21 anos de história, o empreendimento também investe em diferentes pontos de atendimento ao cliente, a exemplo do novo Banheiro Família/Fraldário, o novo Terraço Panorâmico com vista para o complexo portuário de Itajaí e Navegantes, a Alameda de Serviços, e a inauguração do Espaço Delivery para melhor atendimento ao serviço de entrega das operações. “Nossas campanhas e comunicação com o público também estão focadas em reforçar o elo que o shopping sempre teve com a cultura e a economia de Itajaí e região”, cita Michael Domingues.

 

A preocupação com a sustentabilidade ambiental também está presente. O shopping está concluindo uma central de tratamento de água, para reutilização de água da chuva, trazendo redução de consumo da concessionária e preservação dos recursos naturais do município. O empreendimento também projeta a revitalização da subestação de energia elétrica para modernizar os equipamentos que atendem as operações e ampliar a confiabilidade de infraestrutura. 



Blog

Países do ‘BRICS’ debatem como alavancar qualificação para indústria 4.0

A qualificação de profissionais para ocupações cada vez mais tecnológicas é foco dos trabalhos de um grupo de especialistas do Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul, o chamado BRICS. A participação brasileira é liderada pela Confederação Nacional da Indústria, por meio do SENAI, a partir de indicação dos ministérios da Casa Civil e da Educação. O objetivo é criar estratégias para promover a capacitação padronizada entre os países.

“Somos reconhecidos por aliar a teoria e a prática. As discussões que estão em curso no grupo formado pelos países do BRICS vêm sendo amplamente abordadas em nossas formações. Não é uma agenda apenas de entidades privadas, ela exige políticas públicas mais robustas, com respaldo técnico e competência para guiar os debates”, destaca o diretor-regional do SENAI, Fabrizio Machado Pereira.

São oito grupos de trabalho, sendo um deles voltado para as áreas de inteligência artificial, machine learning e big data, coordenado pelo professor Valério Junior Piana, do Centro Universitário do SENAI em Chapecó. “Os grupos debatem temas como a falta de profissionais qualificados para atuar com as tecnologias da indústria 4.0 e as habilidades fundamentais para o futuro do trabalho, não apenas na indústria, mas também em outras áreas”, afirma Piana. “Estamos focando nas ocupações mais tecnológicas e o que fazer diante da falta de profissionais”, acrescenta.

Piana, que no SENAI coordena os cursos de graduação e pós-graduação em TI, cita, principalmente, a falta de profissionais qualificados na área de tecnologia para atuar com programação, automação e outros setores. O grupo de trabalho do BRICS atua com base no relatório do Fórum Econômico Mundial, que elenca habilidades que as pessoas precisam ter ou desenvolver, como criatividade, solução de problemas complexos, trabalho em equipe, entre outras, incluindo as habilidades e conhecimentos técnicos.

O grupo está elaborando uma proposta de esforço conjunto dos países para capacitar a força de trabalho. “Algumas alternativas que estamos sugerindo são a implementação de laboratórios-modelo, equipados para desenvolver as capacidades necessárias para o mundo do trabalho, e cursos de graduação e pós-graduação com currículos padronizados entre os países”, relata Piana.

O SENAI é referência mundial em qualidade de ensino. Capacita os trabalhadores da indústria por meio de educação profissional e superior, consultorias especializadas e serviços de inovação voltados ao desenvolvimento e à competitividade industrial. A instituição está presente em todos os estados brasileiros.

© Copyright 2000-2014 Editora Bittencourt