segunda, 06 de dezembro de 2021
11/08/2021 17:26

Movimentação portuária cresce em Santa Catarina e alcança melhor resultado da história


Com mais de 31,9 milhões de toneladas movimentadas no primeiro semestre, Santa Catarina alcançou o melhor resultado da história, 34,5% a mais do que no ano passado, quando bateu o recorde até então. O crescimento é mais do que três vezes acima do nacional, de 9,4%. Os números são da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq), divulgados nesta quarta-feira, 11.

Na avaliação do governador Carlos Moisés, o recorde já era esperado, uma vez que os portos catarinenses têm aumentado a movimentação de forma consistente desde 2019. "Este é mais um indicativo de como Santa Catarina melhora e está desenvolvendo muito acima da média nacional. Nosso papel nesse contexto é manter um ambiente competitivo e investir em infraestrutura. O crescimento também reforça a importância de melhorar as nossas rodovias federais, estaduais e municipais. O Governo do Estado está investindo pesado para isso", assegura.

Crescimento em todos os aspectos

O crescimento catarinense ocorreu em todos os tipos de carga. A maior alta partiu dos granéis líquidos e gasosos, com 92,9%, chegando a quase 8,4 milhões de toneladas, mas as cargas em contêineres continuam dominando a movimentação nos portos catarinenses, com cerca de 16,8 milhões de toneladas no primeiro semestre - um crescimento de 22,9% em relação a 2020. Quanto ao tipo de navegação, houve melhora nos números tanto nos transportes de longo curso (alta de 24,6%, chegando a 21,2 milhões de toneladas) quanto de cabotagem (aumento de 58%, com 10,5 milhões de toneladas).

Com o bom resultado, Santa Catarina passou a representar 5,4% da movimentação portuária nacional no semestre, primeira vez acima de 5%.

Os dados fazem parte do Estatístico Aquaviário, apresentados todos os meses pela Antaq e levam em consideração os portos públicos e privados.




Últimas Notícias

Notícias

© Copyright 2000-2014 Editora Bittencourt