sábado, 20 de abril de 2024
01/03/2023 16:50

Temporada de cruzeiros 2022/2023 movimenta R$ 26 milhões na economia de Itajaí

Foram 25 escalas com o registro de mais de 80 mil passageiros – Próxima temporada já está sendo projetada

O município de Itajaí começou a receber os cruzeiros transatlânticos das empresas Costa Cruzeiros e MSC no final do ano passado, em 10 de dezembro de 2022, com a escala do MSC Armonia, e, finalizou os serviços de operações no último domingo, em 26 de fevereiro, com o navio Costa Favolosa. Ao todo, a cidade recebeu 25 escalas, com mais de 80 mil passageiros, injetando cerca de R$ 26 milhões na economia local.  

No decorrer das atracações, realizadas em finais de semana, os navios alternavam entre si, com número de passageiros, embarques e desembarques diferentes. No total foram 25 atracações realizadas na área do cais público (berços 03 e 04) do Porto de Itajaí, tendo separadamente o MSC Armonia, a realização de 12 escalas, o Costa Favolosa, 10, e MS Marina e MSC Música, ambas embarcações com uma atracação cada. Acrescentado à tabela, em 13 de dezembro de 2022, o município ainda recebeu o navio Ocean Explore.

Segundo a Coordenadoria de Operações e Inteligência da Superintendência, o número de pessoas que embarcaram até o final da Temporada de Cruzeiros 2022/2023 no Porto de Itajaí foi de 28.809 passageiros. Quanto ao número de pessoas que desembarcaram, 27.470. Em trânsito, este número foi de 30.920. Nas escalas mais numerosas, entre o MSC Armonia e Costa Favolosa, o MSC Armonia embarcou em suas 12 escalas 16.223 passageiros, e desembarcou 16.137 em Itajaí. Nas 10 escalas do Costa Favolosa, este número foi de 12.586 embarcados e 11.333 para o registro de desembarcados.

Após a chegada das embarcações, entre 08h e 18h, os passageiros eram transportados por uma frota de ônibus até a estrutura disponibilizada pela Secretaria de Turismo e Eventos de Itajaí no Centreventos, um complexo de 18 mil metros quadrados, onde é possível receber até 10 mil pessoas. No local, os turistas realizavam check-in, o despacho de bagagens, verificação por raios-X e fiscalização.

De acordo com a Secretaria de Turismo e Eventos de Itajaí, em consonância com a Superintendência do Porto de Itajaí (SPI), já há perspectivas para a próxima temporada de cruzeiros e carrega consigo um aumento no número de embarques e desembarques por escala, próximo de duas mil pessoas.  

O Superintendente do Porto de Itajaí, Fábio da Veiga, apontou como um dos principais fatores para o bom andamento das atracações desta temporada, se deve ao planejamento estratégico, e, que a Autoridade Portuária, já se prontifica para próxima temporada, visando o desenvolvimento da cidade:

“Esta temporada foi a maior de todas já realizadas. O sucesso dela se deve a um grande planejamento estratégico, reunindo a Superintendência do Porto de Itajaí, a Secretaria Municipal de Turismo e Eventos, a Receita Federal, Polícia Federal, o MAPA, a ANVISA, nossa Guarda Portuária, a operadora SC Portos, Praticagem, Ambipar Response, entre outros órgãos envolvidos. Ainda assim, a próxima temporada tem tudo para superar esta, e a Autoridade Portuária de Itajaí estará pronta para sempre realizar o melhor em prol do desenvolvimento econômico e turístico da cidade”, destaca Fábio da Veiga.

No ano passado, em meados de novembro, membros da superintendência, Diretoria da Clia Brasil, Secretaria Municipal de Turismo e Eventos de Itajaí, bem como representantes da MSC Cruzeiros, Costa Cruzeiros, Receita Federal do Brasil e Policia Federal, reuniram-se para tratar dos detalhes quanto as operações voltadas exclusivamente para a temporada de Cruzeiros 2022/2023, cujo início foi em 10 de dezembro. Durante os encontros, o Diretor-Geral de Administração e Finanças da superintendência, Ronaldo Camargo Souza, destacou e apresentou resoluções, objetivando quanto aos procedimentos a serem aplicadas junto à temporada de cruzeiros, contando sempre com o apoio de todos os órgãos envolvidos.

Ao término desta temporada de cruzeiros marítimos, Ronaldo também esclarece que o sucesso advém de um amplo planejamento entre Autoridade Portuária, Poder Público Municipal, Órgãos Intervenientes e, as operadoras de cruzeiros, que se sensibilizaram com a situação apresentada, vislumbrando a viabilidade técnica e econômica de operações realizadas no município de Itajaí.

“A cidade se consolida no mercado de cruzeiros no sul do Brasil, e as operadoras já demonstraram interesse em dobrar o número de escalas para a próxima temporada de 2023/2024 e aumentar em 70% o número de embarques/desembarques, mantendo o Porto de Itajaí como home port das companhias. Portanto, a temporada 2023/2024 já começou a ser trabalhada com a avaliação desta que se encerrou, buscando informações inerentes aos pontos que foram positivos e negativos e que necessitam adequações”, avalia Ronaldo.

Um fato interessante para ser destacado, diz respeito ao registro de uma atracação inédita ocorrida no penúltimo final de semana da temporada, com o navio de cruzeiro Costa Favolosa, quando aconteceu uma operação de embarque e desembarque de passageiros durante a madrugada.

Sua atracação ocorreu por volta de 23:45Hr e toda a sua operação foi realizada na madrugada de domingo, 19, para segunda-feira, dia 20. De acordo com a Guarda Portuária, esta operação foi inédita na história do porto, pois as operações de embarque e desembarque de navios de passageiros tradicionalmente ocorrem no período diurno.

Nesta operação foi realizado o desembarque de 1.226 passageiros e o embarque de outros 1207 passageiros, numa operação de durou pouco mais de 03 horas. Toda a operação foi realizada pela SC Portos.

” Esta atracação foi uma excepcionalidade causada por condições climáticas adversas registradas no Porto de Santos (SP), o que atrasou a chegada do navio em Itajaí. Apesar desta situação, a atracação nos trouxe tranquilidade por termos condições reais de fazer esse tipo de atendimento fora de hora, à noite ou na madrugada, como ocorreu. Todos foram atendidos e isso prova que temos condições de fazer esta operação a qualquer hora, principalmente se tratando dos passageiros. Pensando já para a próxima temporada de navios de cruzeiros em Itajaí, isso nos leva a estudar condições melhores de infraestrutura, de receptivo, para receber navios seja qual for a hora ou condição”, conclui Ricardo de Amorim, Diretor Geral de Operações Logísticas.




Últimas Notícias

Notícias

© Copyright 2000-2014 Editora Bittencourt